Sorteio - Até eu te encontrar

Postado por Anne Gattini 33 comentários

Oi corações *-* Faz muito, muito, muito tempo que não tem sorteio aqui no blog. Na verdade, eu sou meio traumatizada porque eu sempre cismava de faze-los e não entendi que com poucos seguidores quase ninguém iria participar, e sempre era isso que acontecia. Daí o tempo passou e cá estou eu sorteando o livro maravilhoso e ainda autografado (!) da Graciela Mayrink- Até eu te encontrar.

As regras são bem normais: 
.Ser seguidor do blog
.Residir no Brasil
.Preencher o formulário

Chances Extras: 

. Twittar a frase: "Quero o livro "Até Eu Te Encontrar" que a @mAntenadas e a @gracielamayrink estão sorteando no meninasantenadas.tk" + 1 inscrição
. Curtir a página do "Meninas Antenadas" que está ali na barra lateral, e a da Graciela Mayrink . +1 inscrição






Eu AINDA não fiz a resenha do livro, porque eu fiquei tão tão tão feliz quando ele chegou que vim correndo escrever, mas vou deixar o link de dois blogs de minhas amigas que também resenharam para quem quiser conhecer :  "Blog Mundo da Moda" e "Jeito Inédito"
ATENÇÃO: Os 5 primeiros inscritos vão ganhar um bônus livro do primeiro capítulo + marcador autografado.

Espero que participem amores <3 Quem já leu, gostou? A Graci é um amoor e ela é LAVREEENSE tipo, dança *-* kkk Quer não quiser arriscar no sorteio e mesmo assim querer muito o livro, pode comprar online por aqui.
Beijos
Anne *-*


#ficaadica Primeiro Show

Postado por Anne Gattini 43 comentários
Não tenho palavras para descrever o show da Demi do dia 22.Eu chorei muito quando ela entrou e quando começou a cantar Skyscraper, parecia que nada era real. Mas então, era a primeira vez que eu ia a um show de verdade, e não sabia o que levar, e agora que tá cheio de show por vir resolvi dar algumas dicas para vocês não apanharem  *-*

meu colar Lovatic, para mim nunca deixar de "stay strong" e smp levar dessa noite. 

Devagar e sempre, tente ao máximo não comprar os ingressos pela internet, porque eu comprei e tive que pagar taxas que não apareciam, se você não mora na cidade do show, peça para algum conhecido comprar, em último caso, compre pela net mesmo.Se você depende dos campistas venderem ingressos mais baratos, na hora do show, espere porque eles vão ficando desesperados para esgotarem e começam a abaixar os preços! 
Na maioria dos shows, os mesmos campistas vendem camisetas, colares, bottons, e mais um milhão de coisas do ídolo, então procure bastante, apesar dos preços serem quase tabelados, eles tem variedades diferentes, principalmente de camisetas. Compre acessórios que você vá usar novamente, como o meu colar xodó "Lovatic". 
Não se desespere para ficar na frente, prefira as arquibancadas porque dá para ver TUUUDO, mesmo não colocando a mão no ídolo, você vai ver melhor, já que a maioria pista, passa mal, é pressionado contra a barricada, e ainda sentindo um cheiro terrível de "cc" na muvuca.
Leve barrinhas de cereal na bolsa, e sombrinha porque se você tiver a minha infelicidade de pegar chuva na fila, vai por mim é horrível comprar capa de chuva.As filas são bem grandinhas sim, de dar volta no quarteirão,mas, o legal é que se faz muitas amizades, dá pra conversar com muita gente e tirar fotinhas (:
Pule muito, se divirta porque pode ser a última vez, como se não houvesse amanhã *-*

->Pretendem ir à algum show esse ano? De quem vocês gostariam ir? Os próximos que eu gostaria seria, Maroon 5, 1D e Adele :P #vamos?
Kisses
@mAntenadas
PS: Desculpem o atraso na retribuição dos coments e da acc dos mesmos.



Se jogue!

Postado por Anne Gattini 39 comentários
 
plaquinha do BB pra Sah <3 eu que fiz, créditos  mil <3 

Eu sempre achei que eu era muito tímida, mas ao passar do tempo, descobri que sou mesmo é insegura, tenho "medo"  de ousar nas tendencias e outros..Formulei algumas dicas para quem está no mesmo barco que eu, Vamos lá? 

 Leia sobre as tendencias -> não adianta falar para deixar a timidez do lado e sair na rua totalmente livre leve e solta, porque, vejamos, isso não dá definitivamente não dá, certo. Quando pesquisamos em blogs de moda e em Flickr vemos que não somos a primeira pessoa do mundo a usar tal peça, temos inspirações de looks e assim, na hora de pisar porta à fora estamos nos sentindo mais seguras. 

 Tenha peças curingas -> se você for ousar de cara com várias paças bonitas, mais diferentes, vai estranhar mais ainda, então, use uma peça + jeans  ou peça + blusa branca. Fazendo combinações, "divertidas" e não muito extravagantes *-*  

  Pense o que os outros pensam -> Quando você está de boa na rua você fica olhando e reparando naquela menina de sapatos de onça? Com certeza deve repara mais não ligar ou achar estranho, às vezes você vê e até se inspira. Pense que a inspiração pode ser você, porque não? Não fique pensando muito antes de sair de casa, coloque a roupa, dê uma conferida no visu e saia, simplesmente saia sem ficar pensando "será que REALMENTE está bom? "  ou "O que os OUTROS vão pensar" 

As dicas foram simples, mas serviram para mim. No meu exemplo de cima, foi realmente real e domingo eu sai com o meu slipper de onça e não senti ninguém reparando, minha tia nem opinou *-* Vocês são assim também? Costumam pensar muito antes de usar suas roupas? {AAA} Tem alguma outra "tática"?

Kisses
@mAntenadas
Espero o comentário de vocês, rawn  


Cinema: Espelho, Espelho Meu.

Postado por Anne Gattini 41 comentários






Gênero: Ação, Aventura. 
Classificação Indicativa: Livre
Duração: 106 minutos 
Elenco: Julia Roberts, Lily Conlins, Armie Hammer, Sean Bean, Nathan Lane, Mare Winningham, Robert Emms, Martin Klebba, Danny Woodburn, Mark Povinelli 
Roteiro: Melissa Wallack, Jason Keller, Melisa Wallack 
Produção Executiva: John Cheng, Jamie Marshall, Josh Pate, Tucker Tooley, Tommy Turtle, Jeff G. Waxman 
ProduçãoBernie Goldmann, Ryan Kavanaugh, Brett Ratner 
DireçãoTarsem Singh



Sinopse:  Era uma vez uma bela princesa chamada Branca de Neve (Lily Collins). Tudo ia bem até sua madrasta, a Rainha Má (Julia Roberts), assumir o controle do Reino Encantado. A Rainha Má precisa casar com o rico Príncipe (Armie Hammer) para salvar seu reino que está indo à falência. Mas o Príncipe está apaixonado por Branca de Neve, e para conquistá-lo a Rainha expulsa Branca de Neve para floresta. Na floresta Branca de Neve encontra e recebe a ajuda dos divertidos anões para lutar e reconquistar seu trono, além de recuperar o amor de sua vida. Nessa releitura do clássico conto dos irmãos Grimm, você descobrirá um mundo cheio de magia e comédia para toda a família. 

Minha opinião:  Eu não vou muito ao cinema hihi, não tenho muita paciência, mas eu gosto muito de filmes e me permiti esse contato com a civilização. Quando eu fui assistir Espelho Espelho Meu esperava mais ação, acho que no fundo eu espero que todos os filmes sejam perfeitos feito Narnia, mas voltando ao filme da vez, não tiveram muitas batalhas, e a batalha final foi meio, huum fresca... Porém, isso não quer dizer que eu não tenha gostado do filme, tá certo que ele não foi aquela coisa que eu previa mas foi outra muito boa também. O figurino é perfeito e eu nunca tinha visto nem a Julia Roberts de um lado do mal, muito menos enxergado a Lily Collins tão parecida com a Branca de Neve, teve umas cenas bem engraçadas, outras um pouquinho tensas e como promete a sinopse a gente passa a enxergar a pacata Branca de Neve de um jeitinho bem diferente, como uma menina guerreira e muito espera por sinal :)  
      
Classificação por Corações:  ♥♥♥♥♥

Cenas: 

Cliquem na imagem para ampliar *-* Já assistiram? Gostaram? Deixem aí a opinião de vocês :D 
Kisses. 
@mAntenadas 

PS: amores, minha friend tá voltando a bloggar e precisa de um UP, se quiserem conhecer: ontuned.blogspot.com e a Anny linda demas tá com um sorteio imperdível no APS, confiram ~>  http://leideanediniz.blogspot.com *-* 

Abril Pra Foto

Postado por Anne Gattini 24 comentários

O Abril Pra Foto, é uma mostra de fotografia idealizado por Marlon Franco, que acontecerá nos dias 20,21 e 22 de Abril no Centro Cultural Casa das Pedras, campus histórico da UFLA, Lavras-Minas Gerais, minha cidade e que vocês devem conhecer por algumas citações no livro Até Eu Te Encontrar ♥ ! 

Além da exposição das fotos de artistas fotógrafos como, Ricardo Avellar, Diego Sá, Jean Morel, Morgana Reis Cabral, Júlia Guerra, Naylah Nogueira e do próprio Marlon e apresentações musicas de Luciano Salgado e Déborah Antonucci (meus professores, que eu amo demais), show da banda Cecília Bravo até mesmo Violinhas, discotecagem em vinil ainda vai contar com aulas de fotografia incríveis separadas em alguns grupos, como iniciantes, fotografia com pássaros e fotografia pinhole por apenas R$10,00! 
Segue aí uma entrevista com o Marlon exclusiva para o blog, tenho certeza que você vai acabar se identificando com ele *-* 

.Você se formou realmente em fotografia?Como foi o curso? 

Não, na verdade sou formado em História. Mas, mesmo que seja algo enriquecedor e bom, a Fotografia é um caminho que da para se trilhar sem fomação acadêmica. Procuro sempre me atualizar e estudar por conta própria técnicas e possibilidades da Fotografia. Este é um aspecto que acho maravilhoso na Fotografia, que é uma arte e uma ferramenta para a expressão artística muito acessível e possível para todos, porém isso também traz á tona uma discussão mais apreendida sobre o que se produz e os rumos da fotografia. O que faz um bom fotografo, é o empenho, o olhar, os estudos e a dedicação.

.Quais foram as suas primeiras câmeras?Quando começou a usá-las para fotografas corretamente e não simplesmente apertando o botão para fotografar? 

Na minha infância tinha uma câmera Yashica de filme 35 mm destas normais mesmo, depois quando jovem ganhei de minha amiga a minha primeira SLR, uma Zenit 22. Lembro me que apanhei que nem louco dela, na época a relação com a fotografia tinha um outro "time", pois você tinha somente 36 possibilidades e ainda tinha que esperar entrar algum dinheiro para então revelar as fotografias. Nesta época mantinha comigo um caderninho onde anotava tudo que eu fazia, para que depois de revelado eu poder saber exatamente o que eu tinha feito ou errado. Comecei a manter uma relação mais séria com as minha Fotografias depois que comecei a me apoderar delas como uma expressão artística e não somente imagens. Isto é algo interessante que acontece com qualquer pessoa que se joga no munda das artes, o apoderamento daquilo que realmente te representa e sua significância para si mesmo, depois disto o céu é o limite.

.Quais foram as pessoas que mais te incentivaram a começar a carreira? Se imagina fazendo outra coisa?


Durante um tempo eu fui assistente da fotógrafa Ana Regina Nogueira e neste tempo foi quando tive um contato mais forte com a Fotografia enquanto arte, enquanto Fotografia autoral, ela com certeza foi uma das pessoas que mais me inspirou trilhar este caminho, mesmo sem ela saber disto ou ter uma intenção objetiva. Durante minha juventude outras pessoas me influenciaram bastante, mesmo não sendo fotógrafos, mas sim por me mostrarem as possibilidades e o vasto e sábio mundo da arte e da arte independente, eles foram Flavio Grão, Artista plástico e Eduardo Brasil, músico. Circulavamos pelos mesmo ambientes, gostos e bandas. Outra coisa que muito me influenciou e me fez bases sólidas é o fato de ter durante muito tempo andado de skate e o universo punk rock. Pode parecer estranho, mas são dois mundos que oferecem muito mais do que música e esporte.

Sim, eu me imagino fazendo outras coisas, mas sempre em diálogo com a Fotografia. Estar na produção de um evento como o Abril Pra Foto, já é estar em outra função, porém mantenho o tempo todo um diálogo com a Fotografia.

. Como surgiu a ideia do Abriu Pra Foto?



O Abril pra Foto surgiu de um convite da APG -Ufla para o Photo Como Le Gusta, um grupo do qual fazia parte, de produzirmos uma exposição na reinauguração da antiga sede DCE Cultural. Acabou que abracei a proposta e desenvolvi um projeto ainda mais abrangente. Depois de várias mudanças chegou se ao formato da proposta do Abril pra Foto, hoje este projeto uniu se a outro desenvolvido pelos graduandos da Ufla, Heber Junior e Barabara Rossi, o projeto deles era a formação de Foto Clube, e por fim nos unimos e atualmente o Abril Pra foto esta totalmente nas mão do Plano Aberto Foto Clube, que contempla outras pessoas que também estão nesta empreitada

.Tem a possibilidade do projeto sair para outros lugares?! 

Sim, existe. Porém nos atemos somente na proposta de "ocuparmos" um espaço de representatividade, produção e compartilhamento na sociedade. O nosso ideal é de propiciar espaço para quem já atua na área, para quem pretende e para quem quer somente prestigiar  através do fomento e da produção.  Ainda é cedo para dizermos sobre todos os horizontes que pretendemos, por hora nosso foco e energia é para que o primeiro passo aconteça, o Abril pra Foto. No futuro sim, iremos agregar outros diálogos possíveis para a Fotografia, como cinema, debates, exposições e oficinas e quem sabe novos lugares e espaços.

~> Amores, deixo o convite para todos os amantes de fotografia ou da música que quiserem vir e conhecer o projeto, o primeiro de muitos que o Antenadas estará cobrindo (: Será uma honra sua presença na nossa humilde cidade...  

Beijo grande 
@mAntenadas

Os Diários de Carrie

Postado por Anne Gattini 24 comentários
Fala sério, caprichei na foto *-* 

Uma garota do interior, que sabia aonde queria chegar. 

Livro: Os Diários de Carrie 
Autora: Candace Bushnell 
Editora: Galera
Média de preço: 33,20 {www

Sobre Ela: Candence Bushnell é a acalamada autora de Sex and City, Selva de Batom, Quinta Avenida nº1, Quatro louras e Janey Wilcox, alpinista social que vendera milhões de exemplares em todo o mundo! 
Sex and City inspirou a série de TV homônima do HBO e uma franquia de filmes de sucesso. Atualmente mora em Nova York. 

Prólogo:  Dizem que muita coisa pode acontecer em um verão. Ou não. É o primeiro dia de aula do último ano da escola, e o que posso perceber é que estou exatamente igual ao ano passado. Assim como minha melhor amiga, Lali. 
- Não se esqueça, Bradley; precisamos arrumar namorados esse ano - diz ela dando partida na picape vermelha que herdou de um de seus irmãos mais velhos. 

Sinopse:  A HISTÓRIA DE UMA DAS MAIS EMBLEMÁTICAS PERSONAGENS DE NOSSA GERAÇÃO: CARRIE BRADSHAW. 
Antes de Sex and City, Carrie era uma simples garota do interior... que sabia muito bem aonde queria chegar. Mas, para conseguir tudo isso, ela precisa enfrentar o início da vida adulta. Até esse momento, Carrie e sua amiga sempre foram inseparáveis.Então Sebastian Kydd aparece e uma traição faz com que ela questione tudo a sua volta. 
Este primeiro volume de Os diários de Carie revela como uma garota simples aprende a pensar por si mesma e se transforma em uma escritora observadora e inteligente. 

Minha opinião:  Sinceramente, eu prefiro os livros brasileiros por causa dos nomes ~~como se pronuncia Dorrit?~~ e por que o cotidiano "americano" é bem diferente do nosso, por um lado é interessante por outro é difícil de imaginar adolescentes se reunindo para conversar e beber em um celeiro.A capa é mais do que perfeita, diferente de chamar a atenção e um tanto quanto intragável, merece destaque a bolsa herdada de sua mãe que depois de manchada de esmalte, e personalizada por Carrie ganhou um destaque especial. Tem algumas partes mais vulgares por retratar bem, Carrie nas suas primeiras descobertas antes de Sex and City. No mais, a história é envolvente, e nos deixa curiosas para saber o que vai acontecer com Carrie e Sebastian e porque tanto mistério entre alguns personagens. 


Extras: A frase logo atrás do livro e que eu redigi em baixo da imagem "Uma garota do interior, que sabia aonde queria chegar" me chamou muito a atenção e preciso ressaltar: Carrie Bradshow queria ser escritora, e assim, o livro fala dos benefícios para as aspirantes a escritoras nos jornais das escolas americanas e outros cotidianos a quem tem esse mesmo sonho. 


Alguém já leu esse livro?Gostaram? Quer ler? 
Beijos mil 
@mAntenadas

Anne Hathaway

Postado por Anne Gattini 34 comentários

Anne Jacqueline Hathaway (Nova Iorque12 de novembro de 1982), é uma atriz de cinema e teatro norte-americana.Eu e a minha mãe concordamos que ela é diva por inteiro, desde o nome (!) até seus trabalhos perfeitos de cinema. Uma curiosidade sobra a linda, é que ela recebeu esse nome em uma homenagem a esposa da Shakespeare, e quem diria, que ela seguia esses tais caminhos da fama. Para todos os públicos, ela fez filmes consagrados como O Diabo Veste Prada e O Diário da Princesa



Anne já foi várias vezes indicada ao Oscar e ganhou muitas delas também. Lá, seus looks variam muito, desde cores escuras, as quentes às claras.Ela sabe muito bem valorizar o seu corpo, na foto, ela chama a atenção para a parte de cima do vestido com o brilho e deixa o toque glam na cauda (:
Um destaque na sua carreira foi quando ela atuou em "Noivas em Guerra" ganhando um pouco mais sobre o público teen e conquistando o troféu "Melhor Atriz de Comédia" do Kids Choise Award. Com o público adolescente, ela também está conquistando atuando no papel da tia de Gleeker em Glee :D  


Ainda com cores escuras, e implantando a onda nerd geek (com os óculos) ela apresentou na estréia do filme rio, um vestido roxo, com brilhos e babados discretos. Além disso, Annie (apelido carinho das fãs) é praticamente uma princesa da atualidade, desfilando com os seus looks que lembrando muito os da Princesa Kate, com o ritmo acelerado e descontraído de NYC a cidade dos sonhos. 

Chuchus, eu acho essa Anne super linda e ainda é uma das famosas que eu tenho mais vontade de conversar haha.Acredito que todo mundo deve conhecer algum trabalho dela não é?! Você curte?! 
Beijo grande
@mAntenadas 





 

but, anneway Copyright © 2012 Design by Amanda Inácio Vinte e poucos